O Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade é um dos problemas mais comuns na infância e adolescência, ocorrendo em cerca de 5% nos menores de 18 anos, podendo ocorrer também em adultos por volta de 2,5%.

É muito fácil confundir uma criança que tem um comportamento típico da infância com uma com TDAH pois diminuição da atenção, impulsividade e agitação motora são manifestações comportamentais comuns na infância mas para que seja considerado um problema de saúde é preciso que haja um impacto negativo no funcionamento do indivíduo.

3 MOTIVOS PARA SE FAZER TERAPIA NO DÉFICIT DE ATENÇÃO

1- Conviver melhor com o fracasso na vida escolar.
2-Tratar as dificuldades de relacionamentos pessoais.
3-Tratar as dificuldades que surgem no trabalho.

5 CONSEQUÊNCIAS RUINS DO DÉFICIT DE ATENÇÃO:

1- Uso de drogas em dobro.
2- Número aumentado de divórcios.
3- Mais depressão e ansiedade.
4- Mais acidentes de trânsito.
5-Maiores taxas de demissão do trabalho.

4 DICAS PARA QUEM TEM DÉFICIT DE ATENÇÃO

1-Exercite-se (ajuda a aumentar o foco e a diminuir o excesso de energia e também diminuir sintomas de Depressão).
2-Compreenda a si mesmo e as suas limitações mas se empenhe no seu tratamento sempre.
3-Procure tempo para atividades que te deem prazer.
4-Faça o que é mais importante e deixe as atividades menos relevantes para depois.